31 de mai de 2010

* PP ratifica apoio a Roseana e terá candidato ao Senado

A Executiva Estadual do PP reafirmou ontem o compromisso da legenda de apoiar a reeleição da governadora Roseana Sarney (PMDB) e lançou a pré-candidatura do pastor da Assembléia de Deus, Herberth Valdo Silva Costa, o Pastor Bel, na disputa ao Senado. A reunião partidária ocorreu durante um café da manhã, no Hotel Abbeville, oferecido à militância do partido e demais legendas da base aliada ao Governo do Estado. Deputado federal e presidente regional do PP, Waldir Maranhão disse que a legenda vive um bom momento político e que a estratégia agora é dar maior visibilidade à sigla.

"O PP, a partir de 2008, quando nós construímos uma proposta para São Luís, com a minha candidatura a prefeito, tem demonstrado que tem um posicionamento político, com um projeto para o desenvolvimento do estado, que passa pela participação do certame eleitoral", disse.

Waldir Maranhão destacou que o ganho para o PP, desde 2008, foi imensurável. "Estamos na base do governo Roseana Sarney. Estivemos à frente da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia com o entendimento de que é preciso capacitar melhor a população. Com isso, o partido aos poucos vai definindo a sua bandeira de luta", avaliou. Ele acrescentou que o lançamento de uma pré-candidatura ao Senado reafirma o real crescimento do PP no Maranhão.

Indicação - Segundo o Pastor Bel, seu nome foi escolhido durante convenção da Assembléia

de Deus, na cidade de Coroatá, onde mais de cinco mil pastores o indicaram para a disputa majoritária. "Aceitei o desafio e estou percorrendo o Maranhão. Já visitamos 128 municípios e pudemos observar que as portas estão abertas à nossa pré-candidatura ao Senado. Estou com muita fé e coragem e continuarei percorrendo o estado dizendo aos nossos amigos que somos um nome forte ao Senado", declarou ele.

O presidente do diretório municipal do PP em São Luís, Hamilton Ferreira, disse que o partido

reforça cada vez mais as suas bases eleitorais e se lança numa candidatura ao Senado com a convicção de que está no caminho certo. "Temos o nome do Pastor Bel, que é uma figura consagrada na base evangélica e que só tende a renovar a política no Maranhão. Com isso, o partido não ficará fora da disputa majoritária no estado", enfatizou. As decisões do PP serão homologadas em junho, durante a realização da convenção partidária.

*Mário Carvalho, do jornal O Estado do Maranhão

Nenhum comentário:

Postar um comentário